Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Talentos pinçados nas Paralimpíadas Escolares treinam no CT de São Paulo

Geral

22/01/2018 15h18

Legado

Talentos pinçados nas Paralimpíadas Escolares treinam no CT de São Paulo

Grupo de 37 atletas da natação e do atletismo passará duas semanas no camping paralímpico, com treinos de alto rendimento, palestras e acompanhamento multidisciplinar

Trinta e sete atletas, de 13 a 18 anos, de 12 Estados e do Distrito Federal, foram convocados para a primeira edição do Projeto Camping Escolar Paralímpico. O Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, recebe os jovens talentos desde o último domingo, 21.01. Eles foram selecionados pelos profissionais do Departamento Técnico do Comitê Paralímpico Brasileiro a partir da performance nas Paralimpíadas Escolares de 2017, no fim de novembro, igualmente no CT Paralímpico.

Grupo de atletas em frente ao alojamento do CT Paralímpico de São Paulo, um dos legados dos Jogos Paralímpicos de 2016. Foto: CPB

“Eu já estive na situação em que vocês se encontram agora, quando, aos 16 anos, lá em 1994, fui convocado pela primeira vez para a Seleção de futebol de 5. Disputamos a Copa América, depois segui carreira, com muitos sacrifícios, que vocês também vão enfrentar, mas com o diferencial que, agora, vocês podem contar com uma estrutura capaz de desenvolver os jovens talentos que não tive oportunidade de ter, mais de 20 anos atrás. Quando vocês levarem a bandeira brasileira ao pódio dos Jogos Paralímpicos ou Parapan ou Mundiais, vocês entenderão que todo esse sacrifíco vale muito a pena”, disse Mizael Conrado, presidente do CPB e campeão paralímpico de futebol de 5 em Atenas 2004 e Pequim 2008.

Além de passarem duas semanas em um regime de treinamento de alta performance, os participantes do camping terão, ainda, uma série de avaliações - hoje disponíveis aos nomes de ponta do esporte paralímpico nacional. Terão também palestras com profissionais de equipes multidisciplinares, além de horários de lazer pela capital paulista. O retorno deles para suas regiões está programado para 5 de fevereiro.

Vinte competidores são do atletismo e outros 17, da natação. Estão representados nesta edição do Camping os estados do Acre, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Santa Catarina e Sergipe, além do Distrito Federal.

O nadador carioca Thomaz Matera, 28, participou da cerimônia de abertura do Camping e, com a autoridade de quem sagrou-se duas vezes campeão mundial em dezembro passado, no México, deu conselho. “Se vocês fazem as coisas da forma certa já é sempre muito difícil de alcançar os objetivos, imagina se não se dedicar e não ser disciplinado? Então, meu conselho é que aproveitem ao máximo este momento”, afirmou o atleta, que subiu seis vezes ao pódio no último mundial.

A sergipana Anny Beatriz Rocha não conseguia disfarçar a euforia por estar no seleto grupo. Ela veio de Aracaju com o intuito de aperfeiçoar a técnica nas provas de pista do atletismo na classe T54. “Estou precisando melhorar nos 100m, 200m e 400m. Nas Paralimpíadas Escolares, fiquei com a prata nos 100m porque não consegui segurar nos metros finais. Quero aperfeiçoar minha corrida”, projetou a atleta, que nasceu com artrogripose que afetou o desenvolvimento dos membros inferiores e da coluna vertebral.

Principal legado dos Jogos Rio 2016 para o esporte paralímpico nacional, o CT de São Paulo permite a prática em alto rendimento de 15 modalidades do programa paralímpico, tem alojamento para 300 atletas, um centro de ciências do esporte, espaço para fisioterapia, vestiários e toda a acessibilidade.

Atletismo
Gloria Poliana do Amaral (SP) - 17 anos
Anny Beatriz Alves da Rocha (SE) - 15 anos
Débora Oliveira Lima (AC) - 16 anos
Letícia Fernandes Custódio (SP) - 18 anos
Kellianne dos Santos (SE) - 12 anos
Adriana Camila Gonzaga Chaves (RO) - 16 anos
Josiele M. Dias (PR) - 16 anos
Maria Eduarda Santos da Silva (PB) - 17 anos
Sueli Pereira Soares (SP) - 13 anos
Daiane Arevalo Benitis (MS) - 14 anos
João Gabriel da Conceição Magalhães (RJ) - 13 anos
Ronaldo Vitório dos Santos (SE) - 17 anos
Gabriel Ferreira da Silva (PB) - 13 anos
Pablo F. Furlan (SP) - 17 anos
Crystoffer Patrick Vaz Firmino (SP) - 17 anos
Geissuan Gabriel Simão (RN) - 16 anos
Thiago Alves de Oliveira Santos (SE) - 17 anos

Natação
Gabriel Alves Barradas (DF) - 15 anos
Laís de Jesus Amorim (ES) - 17 anos
Leda Maria Silva Sampaio Barbosa (SE) - 13 anos
Lucas Roberto Ferreira de Oliveira (RJ) - 17 anos
Claudio Irineu da Silva Junior (DF) - 17 anos
Stephany Nobre Rodrigues (ES) - 18 anos
Alexandre Donizete Ribeiro Martins (SP) - 14 anos
Rayssa Amanuele Galina Guimarães (SP) - 12 anos
Gabriel Luan da Silva Nascimento (SP) - 17 anos
Marcus Willian das Graças Leite (MG) - 14 anos
Isaac Lorenzo de Jesus (SC) - 14 anos
Isabelle Garcia Velasque (SC) - 14 anos
Fabio Luiz de Lima (MG) - 16 anos
Andressa Pinheiro (PA) - 14 anos
Lucilene da Silva Sousa (PA) - 17 anos
Elcio Cunha Pimenta Junior (DF) - 14 anos
Thacrys Gustavo Cussolin Batista (PR) - 17 anos
Laura Pestes Rodrigues (PR) - 15 anos
Larissa Guimarães (RS) - 13 anos
Catarina Martins Machado (SC) - 13 anos

Fonte: Comitê Paralímpico Brasileiro