Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Arthur Zanetti é ouro nas argolas e no solo em torneio nos Estados Unidos

Ginastica artística

11/02/2019 16h48

Ginástica artística

Arthur Zanetti é ouro nas argolas e no solo em torneio nos Estados Unidos

A juvenil Ana Luiza Lima também subiu ao pódio em Dallas, com a prata no solo

A ginástica artística brasileira começou a temporada 2019 de competições internacionais no pódio. O campeão olímpico Arthur Zanetti e a juvenil Ana Luiza Lima conquistaram medalhas em duas competições realizadas em Dallas, nos Estados Unidos.

Tanto Zanetti quanto a Seleção Brasileira juvenil participaram no último sábado (09.02) de duas competições válidas pelo Woga Classic, um grande festival de ginástica que reúne atletas de várias categorias de idade.

zanetti_eua_3x2.jpeg
Foto: CBG/Divulgação

Ouro nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e prata no Rio 2016 nas argolas, Zanetti disputou o Valeri Liukin Invitational, evento masculino que integrou a programação em Dallas. O brasileiro foi bem e venceu as provas das argolas (15,200) e do salto (14,800). O atleta também competiu no solo (14,000), terminando na quarta posição.

O técnico Marcos Goto afirmou que o objetivo em Dallas era já colocar Zanetti em ritmo de competição, pois o ano será intenso. "O calendário do Arthur em 2019 está bem cheio, tendo como principais objetivos o Pan-Americano de Lima, em julho, e o Mundial de Stuttgart, em outubro, que será classificatório para a Olimpíada de Tóquio", afirmou Goto. Agora, Arthur Zanetti segue para Melbourne, onde disputará uma etapa da Copa do Mundo entre os dias 21 e 24.

Ana Luiza fica com a prata

Como parte da preparação para o Campeonato Mundial juvenil, que será realizado entre os dias 27 e 30 de junho em Gÿor, na Hungria, a Seleção Brasileira feminina também esteve presente em Dallas, participando do Woga Classic. O melhor resultado foi de Ana Luiza Lima, que levou a medalha de prata na prova do solo, com a nota 13,400.

Além dela, Julia Soares ficou em quarto lugar na trave (13,400) e no solo (13,150); Christal Bezerra foi a quarta colocada no salto (13,450); e Camila Almeida terminou em oitavo no solo (12,900). Josiany Silva, que também integrou a delegação, não competiu em Dallas.

Fonte: Confederação Brasileira de Ginástica